O que fazer em Esquel, Patagônia argentina (além do óbvio)

laguna_z_esquel

Está buscando o que fazer em Esquel, na Patagônia argentina, além dos passeios principais, como o Parque Nacional los Alerces ou esquiar no centro de esqui cerro La Hoya?

Então você está no lugar certo para planejar sua viagem! Veja nossa lista completa com o que fazer em Esquel, Argentina!

Lembramos que esse artigo é destinado apenas a mostrar o que fazer em Esquel. Se você está planejando sua viagem, leia nosso Guia completo de Esquel e nosso guia detalhado Parque Nacional los Alerces e planeje melhor a trip com dicas de viagem, como chegar e preços.

Esquel, Patagônia argentina

Esquel é uma linda cidade localizada na Patagônia argentinaÉ muito procurada entre os argentinos por abrigar o Centro de Ski & Snowboad Cerro La Hoya, e por ser a principal cidade para visitar o Parque Nacional los Alerces, um dos mais lindos e diversificados da Argentina. Mesmo assim, Esquel reserva outras várias possibilidades de passeios, os quais vamos descrever nesse artigo.

Esquel é uma cidade grande comparada aos pequenos povoados patagônicos, e não chega a ser uma cidade fora da rota turística, mas é frequentemente deixada de fora entre os turistas que visitam o sul da Argentina, uma pena para esses. A cidade possui boa estrutura turística, capaz de atender desde viajantes e mochileiros low cost até os turistas mais sofisticados, oferecendo diversos tipos de passeios, hospedagens e preços.

Recomendamos incluir Esquel em seu roteiro, principalmente se você gosta de ecoturismo e passeios a céu aberto, como trilhas e trekking. A cidade é boa para todas as idades e possui os principais serviços, como restaurantes, hospedagens, posto de gasolina, bancos e terminal de ônibus. Sem dúvidas, um lugar para viajar sozinho, em casal ou com a família.

GARANTIMOS que esse artigo irá ajudar em seu planejamento de viagem! Se você vê valor em nosso trabalho, nos ajude a seguir viajando, compartilhando dicas de viagem gratuitamente e mantendo nosso blog livre de propagandas e banners que poluem sua leitura. Clique aqui e doe quanto quiser para seguirmos atualizados. Muito obrigado!

Continue lendo para montar seu roteiro de viagem a Esquel com:

– Diversas opções com o que fazer em Esquel além do óbvio (Parque Nacional los Alerces e cerro La Hoya)

O que fazer em Esquel, Argentina (os clássicos)

Informações turísticas – É possível pegar mapas com as atrações do Parque Nacional Los Alerces nos postos turísticos das cidades de Trevelin, Esquel e Cholila ou nas entradas do parque. O mapa de Esquel pode ser adquirido gratuitamente no centro da cidade.

Parque Nacional Los Alerces – O parque é um dos lugares mais completos que vi na Patagônia argentina. É incrível! São dezenas de trekkings e trilhas (senderos) dentro do parque, com diferentes níveis de dificuldade e tempo. São diversas opções de miradores (mirantes), cachoeiras, rios e lagos. Uma das caminhadas mais lindas e imperdíveis dentro do Parque Nacional Los Alerces é pela passarela com vista para o Lago Verde, Rio Arrayanes e Rio Menéndez. Existe a possibilidade de passeios de caiaque, standup paddle e birdwatching (observação de aves). Veja nosso artigo completo sobre o Parque Nacional Los Alerces.

La Hoya – A estação de esqui La Hoya completa uma linda paisagem de montanhas de Esquel. O parque está a 1.350 metros de altitude e conta com 60 hectares de área para esquiar, com 24 pistas amplas para todos os níveis e 10 meios de elevação. La Hoya possui ótima estrutura e um sistema de fabricarão de neve artificial que garante pistas sempre com muita qualidade e segurança, e fecha nossa lista dos melhores destinos para esquiar na Argentina. Dentre seus serviços estão: lanchonetes, escola de esqui, jardim de neve e mini shopping. Valores: Consulte aqui

La Trochita – Outro passeio muito comum em Esquel é no antigo trem “Maria-fumaça” La Trochita, o viejo expreso patagónico. Famoso no mundo inteiro por ser um dos únicos ainda em funcionamento e com quase todas as peças originais. É uma verdadeira volta ao passado. O passeio sai de Esquel até o pequeno povoado de Nahuel Pan, próximo ao vulcão homônimo. No povoado há passeios de compras em uma feira artesanal Mapuche (povos originários da Patagônia).

Vida Noturna – Esquel possui opções noturnas de restaurantes, bares e pubs, mas não chega a ser muito movimentada.

Principais festivais – Sempre em 25 de fevereiro e em toda semana, Esquel celebra o aniversário da cidade, com festas, feiras artesanais, shows, Expo-Esquel, e eventos culturais – focados nas histórias dos Tehuelches, Mapuches e galeses. Expo-Esquel. Anualmente, no inverno ou no fim da temporada, também se realiza a Fiesta Nacional del Esqui. Outro festival é a Fiesta del Poblador Rural, um evento em homenagem aos antigos povos da zona do Lago Futalaufquen.



Booking.com

O que fazer em Esquel além de esquiar e do óbvio

Laguna La Zeta ou Laguna La Z – A Laguna La Zeta recebe esse nome devido ao seu caminho em Z. Possui um lindo espelho d’água e é indicada para passeios e piqueniques. É próxima do centro de Esquel.

Cerros – Esquel é envolvida por lindos cerros (montanhas) que a vista por si só já é incrível.

Atrações históricas – Os museus de Esquel e proximidades são: Museo Lituano Villa Olgbrun; e o Museo de Leleque, pequeno museu, mas bastante interessante, que conta a história e mostra objetos dos povos originários (aborígenes) da Patagônia (importante: o museu, segundo os moradores locais, é administrado e está na propriedade da família da marca de casacos Benetton, que invadiu terras e dizimou populações de índios da região).

Ciclismo – Esquel é uma das cidades participantes de circuitos nacionais de ciclismo.

Valle de los Altares, Canyons da Patagonia – Formação rochosa do Valle de los Altares, que lembram altares e totens, em uma paisagem jurássica e curiosa para caminhadas e fotografias.

Tetratlón de Esquel – Sempre em setembro, Esquel realiza a competição Tetratlón Douglas Berwyn, que une centenas de competidores desde 1986.

Atividades de agências – Agências normalmente organizam dias completos pelo parque, passeios em barco, caiaque, cavalgadas e rafting. Além disso, há a possibilidade de visita a geleira Glaciar Torresillas e caminhar até os Túneles de Hielo (túneis de gelo).

Viaje com o melhor seguro viagem internacional: World Nomads (link afiliado)

Acreditamos que esse artigo ajudará no seu planejamento de viagem. Se você concorda conosco e vê valor em nosso trabalho, nos ajude a seguir viajando, compartilhando dicas de viagem e mantendo nosso blog livre de propagandas e banners que poluem sua leitura. Clique aqui e doe quanto quiser para seguirmos atualizados. Também compartilhe nosso artigo em sua rede social e ajude outros viajantes. Muito obrigado!

Leia nosso Guia completo de Esquel para saber dicas de viagem, como chegar e preços de hospedagens, alimentação e passeios.

Veja também nosso Guia completo Parque Nacional Los Alerces e Como viajar por todas as cidades da Patagônia argentina e chilena

Veja todos os nossos recursos de viagem para planejar sua melhor trip!



Booking.com

Valores e dados de março de 2016

Caso tenha dúvidas, pergunte e tentaremos ajudar – sua dúvida pode ser a mesma de outros viajantes. Se encontrar erros ou atualizações avise-nos, por gentileza.

Curta Instinto Viajante no Facebook e siga-nos pelo Instagram

Foto divulgação O que fazer em Esquel: martintrebino.com


« | »

Sobre