Itacaré: guia de viagem e o que fazer em Itacaré, Bahia

clima itacare bahia

Itacaré, Bahia: dicas de viagem, o que fazer e lista de campings e pousadas em Itacaré

Vai viajar para Itacaré, Bahia? Veja onde fica, como chegar, como são as praias, dicas de viagem, e o que fazer em Itacaré, no sul da Bahia. E mais: preços, melhor época pra ir, como é a vida noturna, e lista de campings e pousadas em Itacaré.

Planeje sua viagem com o Guia de viagem Itacaré BA do Instinto Viajante! Obrigado pela visita e boa leitura!

(fazer)(foto) aquii

Itacaré, Bahia

Itacaré, que já foi chamada de São Miguel da Barra do Rio das Contas, é uma cidade pequena do sul da Bahia, no nordeste do Brasil, muito procurada por turistas do mundo todo durante o verão.

Apesar de já contar com cerca de 30 mil habitantes, ainda mantém suas características de vila, com poucos carros e maior deslocamento sendo feito a pé ou de bicicleta, ruas de terra ou paralelepípedo, e pequeno comércio local. A lei que limita as construções a no máximo três andares ajuda a manter a cidade pequena e aconchegante.

O turismo é a principal fonte de renda de Itacaré, concentrado na rua da Pituba e nas praias. Itacaré também brinda sua população e visitantes com grande variedade de pescados de água doce e salgada, e frutas, com destaque para o cacau - muito plantado e comercializado na região, conhecida como Costa do Cacau da Bahia.

Como você deve imaginar, a rede hoteleira de Itacaré é bem desenvolvida. A cidade possui dezenas de hospedagens, com variados estilos, conforto e preços, além de bares, restaurantes, lanchonetes, mercados, lojas de souvenires, agências de viagem, algumas casas de câmbio e outros serviços do dia-a-dia.

Por que viajar para Itacaré?

As praias são o principal interesse turístico de Itacaré, que possui 15 opções, dentre praias calmas, como a praia da Concha; boas para surfe, como a praia da Engenhoca; e desertas, como a Prainha - todas com temperaturas ótimas para banho. Mas também possui rios, cachoeiras, trilhas, ótimos lugares para observação de fauna e flora, e bons passeios gastronômicos e de compras.

Dentre os lugares mais visitados de Itacaré estão as praias da Tiririca, Jeribucaçu e Itacarezinho, e a Cachoeira de Tijuípe, além do por do sol na Ponta do Xaréu.

Ler o artigo completo é interessante. Mas você pode ir direto ao assunto de seu interesse, clicando nos links abaixo

Ajude o Instinto Viajante a se manter no ar =) Clique aqui e doe quanto quiser. Obrigado!

Turismo em Itacaré, Bahia

Itacaré é um destino de viagem muito popular no verão (dezembro a março), ficando mais cheia entre o natal e a primeira semana de janeiro, voltando a lotar durante o carnaval - ambas datas com preços nas alturas. Durante o inverno (junho a agosto) é a temporada baixa, quando os preços são mais baixos e está mais vazia, mas muitos estabelecimentos estão fechados.

O turismo em Itacaré é tanto nacional quanto internacional, sendo uma cidade frequentada por baianos (as) de cidades vizinhas, brasileiros (as) de outros Estados (muitas pessoas de Minas Gerais), e estrangeiros do mundo todo.

O público é misto, indo de jovens e mochileiros (as) até casais e famílias. Indico Itacaré para qualquer pessoa que curte viagens de ecoturismo, trilhas, praias e tranquilidade. Um lugar para toda a família, independente da idade.

Eu escuto pessoas dizerem que a cidade é muito cara, mas é perfeitamente possível viajar barato para Itacaré, principalmente na baixa temporada. A seguir deixo algumas dicas de como fazer e hospedagens baratas.

Onde fica e como chegar em Itacaré, Bahia

A cidade de Itacaré fica no sul da Bahia, na Costa do Cacau, nordeste do Brasil, a 397 KM de Salvador, capital do Estado.

Para chegar em Itacaré, o acesso se dá pela rodovia BA 001 que é asfaltada. Veja como chegar de carro, ônibus e avião:

→ De carro

Saindo de Salvador ou região norte: a melhor forma de chegar em Itacaré é tomar o ferry-boat até Bom Despacho, Itaparica, operado pela Internacional Travessias. E, depois, seguir pela BA 001 por 230 KM, passando por Nazaré, Valença, Maricoabo, Taperoá, Ituberá, Camumu, e, por mais 50 KM, chegando em Itacaré.

Distância: 250 KM. Tempo: 5h-6h. Horários do ferry-boat e tarifas.

Saindo das regiões do centro, sudeste ou sul: seguir pela BR 101 (sentido norte) até Itabuna, Bahia, e, de lá, até a Praia do Norte, em Ilhéus, onde inicia a estrada BA 001, que vai até Itacaré.

De ônibus

Para chegar em Itacaré de ônibus, desde a maioria das cidades brasileiras, você deverá ir até Ilhéus e, de lá, tomar um ônibus para Itacaré (como explico abaixo).

Empresas que levam até Ilhéus, saindo de várias partes do Brasil:

Saindo de Ilhéus: o trajeto é feito pela viação Rota, desde a rodoviária de Ilhéus e chegando em Itacaré. O primeiro ônibus sai 5:15h e, depois, há saídas de hora em hora, até 20h.

Valor: R$ 16,15 (com seguro). Tempo da viagem: 1:30h.

Dica: se quiser economizar na passagem de ônibus Ilhéus-Itacaré, há a possibilidade de pedir para tirar o seguro. Contudo, em caso de acidente você estará descoberto (a).

Saindo de Salvador ou de cidades ao norte: se você vem de Salvador ou alguma cidade ao norte de Itacaré, deverá tomar o ferry-boat até Bom Despacho, Itaparica, operado pela Internacional Travessias. E, de lá, um ônibus da viação Cidade Sol ou Águia Branca, que também presta serviço desde Feira de Santana.

Valor: R$ 4,80 (ferry-boat dia de semana) ou R$ 6,80 (final de semana) + R$ 45 (ônibus). Tempo da viagem: 5h. Horários do ferry-boat e tarifas.

Outras cidades com ônibus direto até Itacaré: Camumu, Itabuna, Feira de Santana, Vitória da Conquista e Porto Seguro.

→ De avião

Para quem quer chegar de avião, o aeroporto mais próximo de Itacaré é o de Ilhéus (Aeroporto Jorge Amado - IOS), a 75 KM, que opera voos nacionais das companhias Avianca, Azul, Gol e LATAM provenientes das cidades de Belo Horizonte, Brasília, Campinas, Recife, São Paulo e Salvador.

De lá saem táxis e traslados para Itacaré (R$ 150, em média), ou você pode ir até a Rodoviária de Ilhéus, que fica a 5 KM, e chegar de ônibus em Itacaré (veja acima como fazer). Táxi do aeroporto para a rodoviária custa cerca de R$ 30.

O aeroporto internacional mais próximo é o de Salvador. Para chegar em Itacaré de lá há traslados, ou siga as instruções dadas acima, de como chegar de carro ou ônibus.

→ De carona

Para tentar carona até Itacaré, você pode tentar ajuda e informações no perfil Caronas solidárias Itacaré - Ilhéus ou nos grupos da cidade: Itacaré.com e Classificados Itacaré, ambos no Facebook.

Ou usar essas dicas para pedir carona na estrada.

Mapa de Itacaré, Bahia | Coordenadas GPS Itacaré-BA: 14° 18′ S 39° 02′ O

Melhor época pra visitar Itacaré (clima e temperatura)

[caption id="attachment_5929" align="aligncenter" width="800"]clima-itacare-bahia Temperatura média ao longo do ano em Itacaré, RJ. Fonte: pt.climate-data.org[/caption]

Itacaré é um bom destino de viagem para qualquer época do ano, isso, pois, seu clima tropical propicia dias quentes o ano inteiro, mesmo no inverno. As chuvas também aparecem o ano todo, mesmo que em menor volume fora do inverno. Geralmente são chuvas que vêm de repente e passam rápido, em pancadas.

Março a julho são os meses que mais chovem, enquanto agosto até fevereiro, chove menos.

Janeiro, fevereiro e março são os meses mais quentes, e junho, julho e agosto os menos quentes (as altas temperaturas não me permitem dizer meses mais frios...). As sensações térmicas ao longo do ano variam entre 25 e 35°C.

O réveillon é a época mais cheia e cara de Itacaré, e o carnaval em segundo lugar.

Dica: se você vem de um lugar onde o sol não é tão quente, aconselho visitar Itacaré fora do verão, esse conselho também serve para viajar mais barato e com a cidade mais vazia, já que é quando a temporada está baixa - nessa época alguns estabelecimentos estão fechados.

  • Temperatura média anual: 24.7 °C
  • Temperatura média no verão: 25,7°C
  • Temperatura média no inverno: 23,4°C
  • Mês que menos chove: setembro
  • Mês que mais chove: junho
  • Mês mais quente: fevereiro (26°C)
  • Mês "mais frio": julho (22,9°C)

Dados climáticos: pt.climate-data.org

Hospedagens, Campings, Hostels e Pousadas em Itacaré-BA e média de preços

Itacaré possui uma ampla estrutura turística, dispondo de dezenas de dormitórios, dentre campings, pousadas, hostels, flats, suítes, hotéis, chalés e casas de temporada. A maioria das hospedagens possuem Wi-Fi.

Durante a baixa temporada não há necessidade de fazer reservas, mas se for na alta temporada, reserve o quanto antes para conseguir melhores lugares por preços mais baixos. Abaixo deixo opções, contatos e valores médios de lugares para ficar em Itacaré.

Airbnb

Há muitos quartos, apartamentos e casas para grupos pelo Airbnb em Itacaré. Usando esse link para fechar sua reserva, você ganha R$ 85 em créditos de viagem no site e nosso blog um pequeno valor de afiliado (sem custo adicional para você).

Valor por dia (temporada baixa): quartos simples e/ou compartilhados a partir de R$ 35 por pessoa; casas um pouco melhores e com mais privacidade por R$ 100-200 (casal); e casas grandes para grupos de 8 pessoas ou mais, por R$ 600-1.000.

Valor por dia (temporada alta): há quartos simples e/ou compartilhados a partir de R$ 90 por pessoa; casas um pouco melhores e com mais privacidade a partir de R$ 280 (casal), indo até R$ 600; e casas grandes para grupos de 8 pessoas ou mais, por R$ 900-1.250.

Camping

Os campings em Itacaré são quase todos simples, não espere grandes estruturas. As diárias custam a partir de R$ 15-35, na baixa temporada, e R$ 25-60, na alta temporada (entre novembro e fevereiro).

Durante o réveillon e carnaval os preços disparam, chegando a custar R$ 60-100 em alguns.

Se estiver procurando camping barato em Itacaré, indico o Camping Sítio Fadul, no bairro Sítio Fadul, rua Porto de Trás, que não é longe do centro (10-12 minutos andando). O camping é simples, mas possui grama e algumas sombras, tomadas perto das barracas, duchas quentes, Wi-Fi e cozinha coletiva com utensílios. A dona, Virgínia, é legal. Está localizado em um bairro humilde, mas tranquilo.

A diária do Camping Sítio Fadul custa R$ 15-20 reais (na baixa) e R$ 30-40 (alta).

Melhores campings em Itacaré:

  • Camping Sitio Fadul (perto do centro) | (73) 3251-2301 ou (73) 9 9996-3052 | campingsitiofadul@gmail.com
  • Pousada e Camping Navio (praia da Concha) | (73) 3251-2743, (73) 9 9996-0417 ou (73) 9 9936-7733
  • Pousada e camping Pico das Praias (centro, rua Pedro Longo, Pituba) | (73) 3251-3090 ou (73) 9 9166-4058 | pousadapicodaspraias@gmail.com
  • Bananas Hostel e Camping (centro, rua Pedro Longo, Pituba) | (73) 9 9946-1416 | E-mail
  • Pandora Hostel e Camping (praia da Concha) | (73) 9 9975-7997 ou +54 911 6868-9009 (WhatsApp) | pandorahostel@gmail.com
  • Camping Paraíso dos Anjos (rodovia Ilhéus-Itacaré, a 6 KM do centro, no caminho para Jeribucaçu) | (73) 9 9963-7318 ou (73) 9 9957-5654 | simoes_vane@hotmail.com
  • Camping Rai & Luc (praia do Costa) | (73) 9 9117-6606 ou (73) 9 9996-1894 | railuc.camping@gmail.com
  • Estação Soul - Ecocamping e Espaço Holístico (rodovia Ilhéus-Itacaré, KM 59 - camping alternativo, longe do centro) | (73) 9 9932-1904, (73) 9 9963-4807 ou (73) 9 9837-6237 | e.soul_itacare@hotmail.com

Existem outros campings em Itacaré, localizados na rua Pedro Longo (Pituba), no centro, mas que achei a estrutura fraca e com poucas sombras, insuficientes para aguentar o sol da cidade. Caso queira conhece-los mesmo assim, seguem os dados:

  • Camping Nova Era |  (73) 9 9971-2976
  • Tropical Camping | (73) 9 9935-0349, (73) 9 9818-3755 ou (73) 9 9983-8327 | yzajl@hotmail.com

Hostels

Hostels em Itacaré possuem quartos compartilhados por R$ 15-40 (baixa temporada) e R$ 30-60 (alta temporada). Quartos de casal com banheiro privado custam R$ 50-100 (baixa temporada) e R$ 100-200 (alta temporada).

Durante o réveillon e carnaval os preços disparam, chegando a custar R$ 80-130 em alguns.

Melhores Hostels em Itacaré

Hostels baratos em Itacaré

Pousadas, flats e suítes

Pousadas baratas, suítes e similares custam R$ 60-150 (baixa) e R$ 100-300 (alta) por dia, para casal.

Pousadas mais caras, flats, e similares custam R$ 200-600 (baixa) e R$ 300-900 (alta) por dia, para casal.

Melhores pousadas em Itacaré

Pousadas baratas em Itacaré

  • Pousada Pedra Solitária | (73) 3251-2127
  • Pousada Tio Zé | (73) 3251-2084 | ptioze@hotmail.com
  • Pousada Humaitá (Santa Terezinha) | (73) 3251-2971 | contato@pousadahumaita.com
  • Pousada Lawrence Surf House | (73) 3251-2049 ou (73) 9 8153-8169 | pousadalawrence@itacaresurf.com.br
  • Pousada Terral | (73) 3251-2213, (73) 9 9832-5609 ou (73) 9 9918-2213 | itacare.terral@gmail.com
  • Pousada Casa Rosa | (73) 3251-3006 (73) 9 9841-1212 | pousadacasarosa@hotmail.com
  • Pousada La Cabana | (73) 3251-3530, (71) 9 9988-1772 ou (73) 9 9183-8421 | pousadalacabana@hotmail.com
  • Pousada Cristal | (73) 3251-2401, (73) 9 8802-9221 ou (73) 9 9910-9386 | felipeitacare@hotmail.com
  • Pousada e camping Pico das Praias | (73) 3251-3090 ou (73) 9 9166-4058 | pousadapicodaspraias@gmail.com
  • Pousada Itaoca | (73) 3251-3382 ou (73) 9 9846-9710 | cazaglio@hotmail.com
  • Pousada Galeão | (73) 3251-2661 ou (73) 9 9843-9898 | pousadagaleaoitacare@gmail.com
  • Pousada Jirê | (73) 3251-3268, (73) 9 9177-7209 ou (73) 9 9988-2909 | suitesjire@hotmail.com
  • Pousada Swell | (73) 9 9133-2082 ou (73) 9 9995-4916 | saraiva0287ita@gmail.com
  • Pousada dos Anjos | (73) 3251-2482, (73) 9 9169-9351 ou (73) 9 9955-7273 | btdanjos@yahoo.com.br
  • Pousada Maria Farinha | (73) 3251-3515 ou (73) 9 9975-1222 | reservas@mariafarinhapousada.com.br
  • Pousada Sol e Mar | (73) 3251-2741, (73) 9 9984-8798 ou (61) 9 8608-9358 | pousadasolemar.itacare@gmail.com
  • Pousada Lanai | (73) 3251-2802, (73) 9 9809 9527 ou (73) 9 9947-7707 | reservaslanai@yahoo.com.br
  • Pousada Raisis | (73) 3251-2142 ou (73) 3613-4053 | pousadaraisis@uol.com.br
  • Linda Surf House Apartamentos | (73) 9 9975-8811
  • Pousada Tikuna | (73) 3251-2793 ou (73) 9 9851-0106 | pousadatikuna@gmail.com
  • Pousada Bicho Preguiça | (73) 3251-2736 ou (73) 9 9120-1198 | bichopreguicabahia@gmail.com
  • Pousada Encantos da Mata | (73) 99818-7979
  • Casa Blanka 2010 | (73) 9 9952-6576
  • Pousada Hi Bahia | (11) 9 8734-4879 ou (11) 3693-3007 | guilherme.ibanescontato@yahoo.com.br
  • Pousada e Camping Navio | (73) 3251-2743, (73) 9 9996-0417 ou (73) 9 9936-7733
  • Pousada Verdes Mares | (71) 9 9151-4552 ou (71) 9 9364-6872 | verdessmares@gmail.com
  • Arpoador Flat | (73) 3251-2359 ou (73) 9 9976-4588 | arpoadorflat@gmail.com

Ps: além dessas, chegando em Itacaré, há outras opções de hospedagens.

Importante: evite hospedagens "pé na areia", como o Aldeia do Mar Hotel, pois as pousadas e hotéis muito próximos de praias e rios só são possíveis por degradarem a fauna e flora locais, incluindo áreas de restinga. Consulte antes de fazer sua reserva e faça um turismo consciente.

Por favor, se possível, use nosso link ou o buscador abaixo para reservar sua hospedagem. Você não paga nada mais por isso e ajuda nosso blog, que recebe uma pequena quantia do Booking.

Booking.com

Outros custos

É comum os estabelecimentos aceitarem cartões em Itacaré. Alguns locais só funcionam no fim de semana ou na alta temporada.

Alimentação: há vários bares, lanchonetes, restaurantes, pizzarias, mercadinhos, padarias, etc. Encontra-se:

  • Café da manhã a partir de R$ 8-10;
  • Refeições a partir de R$ 12-20, em lugares baratos, e a R$ 40-70 em lugares mais caros;
  • Pizzas custam R$ 30-60;
  • Lanches uns R$ 7-10 (hamburguerias são mais caras, custando a partir de R$ 20-30) e açaí R$ 10-15 (tigela);
  • Cervejas 600 mL R$ 7-12 (lugares baratos a partir de R$ 5) e cervejas artesanais R$ 18-25;
  • Águas R$ 2-4, sucos R$ 4-8, águas de coco R$ 3-5, refrigerantes (lata) R$ 3-5, e caldo de cana nas ruas R$ 3-5;
  • Self-service custam R$ 18-25, o KG, em lugares baratos, e R$ 35-50, o KG, nos mais caros.

A seguir deixo alguns lugares interessantes de conhecer, por categoria:

Restaurantes baratos:

Restaurante Zigue Zague - Fica na escadaria em zigue-zague, próximo da Passarela da Vila. É o lugar mais barato para comer em Itacaré, pratos-feitos (PF) a partir de R$ 6,00. Contudo, achei a comida bem sem graça.

Buffet da Praça - Fica na, popularmente conhecida, como "praça dos cachorros", pracinha que fica no início da rua Pedro Longo (Pituba), no centro. É um restaurante de comida caseira mineira, com toques baianos. Pra mim é o melhor custo-benefício de Itacaré, dentre os restaurantes baratos. A dona é simpática e a comida é boa. Você pode optar por marmitex para viagem, com dois tamanhos: R$ 13 e R$ 15; ou comer a vontade no local por R$ 15. Em ambos os casos é buffet livre, com direito a duas carnes colocadas por um (a) funcionário (a).

Restaurante Casa Martins - Pequeno restaurante familiar localizado na Pituba, outra boa opção para comer bem e barato. A comida é caseira e gostosa, e os pratos feitos custam R$ 12-20.

Frango do Carica - Você leu certo, é "carica" mesmo. É um restaurante localizado na Pituba, com ambiente e comida simples, mas gostosa e barata, principalmente para comer em grupos grandes. Os pratos mais comuns são frango com acompanhamentos, peixes e pizzas (que são boas). As cervejas são mais baratas que a média da cidade. O lugar serve PF à tarde e à noite, por R$ 15.

Fornalha - Fica ao lado do Carica, também para comer barato. Oferecem self-service a R$ aquii, o KG, e pizzas.

Churrascaria e restaurante da passarela da vila com buffet barato (aquii)

Outros lugares para comer em Itacaré:

Comida bem servida - Lugares que não são os mais baratos, mas são bem servidos: Tia Deth (próximo da praia da Coroinha, na vila de pescadores - pratos que servem três pessoas); Mediterrâneo (na Pituba, ambiente legal e com música ao vivo, às vezes); Casa de Taipa (Pituba, buffet livre a R$ aquii e self-service a R$ aquii)

Lanches e cafés - Casa Rural sucos e Wi-Fi, Acarajé Experto, Baguetão, Café Bahia, Padaria pra café da manhã perto da praça São Miguel e café que foi roubado, e café caramelo (café Bahia), açaí perto do flor de sal aquii

Casas de produtos locais - Para comprar produtos locais, o mais comum é algo a base de cacau, algumas lojas para tal: aquii

Hamburgueria, creperia e tapiocaria - Restaurante Céu Aberto (crepe do Alemão), bom, wraps alimenta bem e é gostoso (tem opção vegetariana). Todo ElefanteTapiocaria Bem Bahia (tapioca* gostosa, atendimento ruim). hamburguer artesanal perto da flor de sal aquii

* Não entendi o por quê, mas tapiocas são caras em Itacaré, mesmo com vendedores (as) ambulantes.

Pizzaria - Baratas: Frango Carica, Fornalha, Pizzaria de 5,00; . Médias e caras: Cantina Itália, Recanto das Artes. Todos na Pituba.

Restaurantes "famílias" - Restaurante Senzala, Flor de Cacau, Família com música Rio das Contas (ver tapiocaria a perto)

Restaurantes boêmios - Espaço Brasil, bar estilo samba, adultos, mas com clima descolado;

Melhores restaurantes** - Lugares com comidas mais sofisticadas e/ou melhor atendimento: Flor de Sal, pratos individuais, vinhos aquii; a brasileira vinho e o da passarela da vila; o de vinho da passarela da vila; Restaurante Jiló; Restaurante Manga Rosa

** Quase todos possuem cartas de vinhos

Comida vegetariana - ver os dois que tem e o Acqua, ambiente zen

Gastronomia internacional - Comida árabe Alamain e sushi aquii

Beber barato - aquii ; e os ambulantes ao longo da Pituba, à noite. Para beber muito barato, existem os "pés-sujos" nas ruas próximas da rodoviária de Itacaré ou comprar em supermercados e depósitos.

Outros restaurantes bem recomendados: Telektonon Creperia, Alquimia do Sana, Wasabi Sushi Sana, Ceh Achegue Bar e Restaurante, Lanchonete Ferrugem, e Restaurante Macaxeira (este com um dos melhores custo-benefício do Sana). aquii ver trip adv

Ps: se você é vegetariano (a), pergunte sempre pela possibilidade de substituir a carne por outras coisas nos restaurantes. Quase sempre é possível e ainda rola um desconto. Negocie.

Supermercados - Há uma boa quantidade de mercados e hortifrutis. O supermercado Center e o Smart (aquii) são os maiores e mais baratos (para alguns produtos, o mercado TC é mais barato - fica atrás do posto de gasolina, próximo da praia da Coroinha). Para comprar boas frutas e verduras, indico os (as) vendedores (as) ambulantes pelas ruas, ou o sacolão da Nora Ney.

Custo dos transportes: para circular pelo centro de Itacaré não há necessidade de transportes, é tranquilo de fazer tudo a pé. Moto táxis custam R$ 5 para levar em locais próximos, como as praias urbanas, e a partir de R$ 35 para as praias mais distantes. O ônibus que leva para as praias mais distantes, como (aquii), custa R$ aquii. ; até Ilhéus R$ 16,15 (com seguro); e Camumu R$ 10.

aquii Custo de passeios: no Sana, a maioria das atividades podem ser feitas por conta própria com facilidade. Para cachoeiras e caminhadas de acesso mais difícil, contrate um guia de trilhas local (a seguir deixo alguns contatos). As cachoeiras mais populares do Sana são gratuitas.

Quatro praias urbanas: Resende, Tiririca, Praia do Costa e Praia da Ribeira.,

Aluguel de bicicleta e standup

→ Veja também: Como viajar muito barato para qualquer lugar

O que fazer em Itacaré, Bahia

Itacaré faz parte da Área de Proteção Ambiental Costa de Itacaré/Serra Grande, junto dos municípios de Ilhéus e Uruçuca, que protege a Mata Atlântica local. Os maiores atrativos da cidade estão ligados ao ecoturismo, com ênfase nas matas, rios, cachoeiras, trilhas e praias.

É um destino para curtir os muitos dias de sol ao longo do ano, praticar esportes e relaxar. A seguir listamos as melhores praias de Itacaré e outras coisas para fazer na cidade.

Informações turísticas: o posto funciona dentro da feira de artesanato CriaSanaTelefone: (22) 2278-1571. aquii

Rua da Pituba, Passarela da Vila e artesanatos

A rua Pedro Longo, mais conhecida como Rua da Pituba, no centro, é onde tudo acontece em Itacaré, o foco da vida noturna na cidade. É nela que estão localizados a maioria dos restaurantes, bares e lojas, e alguns hostels, campings e pousadas.

Horário: 10h às 22h (sábados e feriados) e 10h às 18h (domingos). aquii

Interesses/estrutura: bares, hospedagens, fotografia, esportes, Standup padlle. aquii

Lugares legais na rua da Pituba: aquii

Praia da Coroinha

A praia da Coroinha, onde está a Avenida Castro Alves, mais conhecida como Orla, é a mais próxima do centro de Itacaré. Trata-se de uma vila de pescadores e, devido a quantidade de barcos que despejam combustível na água, e de esgotos que - infelizmente - são lançados nela, não é uma praia própria para banho.

Contudo, sua paisagem é bonita, com vista para o rio de Contas e a praia do Pontal. Vale conhecer para tirar fotos, caminhar pelo calçadão, e ver ou praticar esportes - na praia é comum ter pessoas jogando futebol, futvôlei e vôlei -, e sentar em algum bar ou restaurante da orla.

Nela também estão alguns casarões antigos centenários, e, seguindo pelo calçadão (para a esquerda de quem olha o mar) chega-se a praça São Miguel, onde está a Igreja Matriz São Miguel Arcanjo, construída em 1723.

Interesses/estrutura: bares, hospedagens, fotografia, esportes, Standup padlle.

Lugares legais na praia da Coroinha:

  • Bar Marley's - bar noturno de ambiente agradável, estilo lounge, onde rola um forró às segundas, jam sessions às terças, e música ao vivo nos sábados;
  • Restaurante Jiló - confirmar se é o da sacadinha, irado
  • Restaurante Senzala -
  • Casa Rural - Sucão e Wi-Fi
  • Acarajé Experto -
  • Sorveteria barata com picolés de R$ 1 e paletas mexicanas a R$ 5-6
  • Restaurante Tia Deth
  • Caldo de cana do tiozinho
  • aquii

Praia do Pontal

Na praia da Coroinha há barqueiros que levam até a praia do Pontal, que fica em frente, atravessando o rio de Contas. É fácil encontrar alguém ao longo do dia que preste este serviço, mas eu indico procurar o (aquii), sujeito gente boa que me levou e faz um preço justo.

A travessia custa R$ 3-5 por pessoa (por trajeto). Você chega, fala com um barqueiro, combina um horário de retorno e paga tudo na volta.

A praia do Pontal é uma longa faixa de areia que se extende por quilômetros a perder de vista, em um cenário selvagem e sublime. É uma das praias mais preservadas de Itacaré, pois não possui nenhuma atividade comercial. Durante a temporada baixa, a chance de estar sozinho (a) por lá é grande.

Dica: a praia do Pontal não possui nenhum quiosque, nem ambulantes, leve sua água e algo para comer, e retorne com seu lixo. Tome cuidado com o mar, pois puxa bastante, e não esqueça sua canga, protetor solar e algo para proteger a cabeça, já que a praia quase não possui sombras. Aconselho combinar uma hora não muito dilatada com o barqueiro, 1h ou 2h são suficientes para curti-la.

Interesses/estrutura: praia e fotografia. Não há nenhuma atividade comercial.

Passeio de barco pelo Rio de Contas

Itacaré foi povoada originalmente por índios Pataxós, que construíram suas moradias às margens do rio de Contas. Este bonito rio, nasce na Chapada Diamantina e vem descendo por várias cidades até chegar em Itacaré e encontrar o Oceano Atlântico.

O encontro do rio com o mar forma uma bonita paisagem de enseada e barqueiros que ficam na praia da Coroinha oferecem passeios para conhecer um pouco mais da parte interna do rio.

Valor: R$ aquii

Praia da Concha

Saindo da praia da Coroinha e caminhando por cerca de 10 minutos (para a direita de quem olha para o mar,) chega-se a praia da Concha, uma das melhores praias de Itacaré para relaxar tendo estrutura turística por perto.

A paisagem da praia da Concha é linda, abrindo-se em um clarão que se perde pelo oceano até o firmamento, e tendo à sua esquerda a costa delgada da praia do Pontal. Uma bela composição para fotografias!

É uma praia de águas muito calmas e sem ondas, ideal para banhar-se sem preocupação e para quem visita Itacaré com filhos (as).

O meio da praia é ruim de espaço para ficar na areia, pois é tomado pelos quiosques, mas nas pontas da praia dá pra ficar tranquilo. A ponta da direita é ótima para tirar fotos e tem como plano de fundo o farol de Itacaré.

A praia da Concha é indicada para quem gosta da facilidade de ter serviços à mão. Possui um bom punhado de quiosques e grande circulação de vendedores (as) ambulantes. Também possui aluguéis de pranchas e aulas de Standup padlle e caiaques. Há lugares (pagos) para estacionar.

Interesses/estrutura: praia calma, bares (cabanas), hospedagens, fotografia, Standup padlle, canoagem, caiaque.

Alguns preços:

  • Aluguel de pranchas de Standup padlle - R$ 30/hora aquii
  • Aluguel de caiaques - R$ 30/hora
  • Estacionamento - R$
  • Água de coco - R$
  • Cerveja
  • Refrigerantes
  • Água R$
  • Almoços
  • Queijo coalho - R$ 5,00
  • aquii

Lugares legais na praia da Concha:

  • Cabana Costa do Sol
  • Cabana que fica cheia aquii
  • Aulas de standup padlle no fim da praia (Suplex)
  • aquii

Por do Sol no mirante Ponta do Xaréu

Uma das coisas imperdíveis para fazer em Itacaré é assistir ao entardecer no mirante Ponta do Xaréu, que fica na ponta esquerda da praia da Concha.

Quando vai chegando o fim de tarde, muitas pessoas se aglomeram nas pedras e banquinhos do mirante para ver o sol descer. No local, costuma ter alguém tocando um violão e vendedores ambulantes com pequenos comes e bebes.

Não deixe de ir por que vale a pena.

Praia do Resende

Caminhando para o outro lado de Itacaré, seja indo pela rua da Pituba, ou pelas ruas internas que saem da praia da Concha, estão as melhores praias de Itacaré.

A primeira delas, chamada praia do Resende, fica a apenas 10 minutos caminhando da rua da Pituba. O acesso a praia é por uma descidinha desde a rua principal e para mim é a praia de Itacaré com a entrada mais bonita - com vários coqueiros que embelezam a paisagem.

A praia do Resende é pequena, com areias claras e protegida por pedras, o que é um charme na baixa temporada e pode ser um problema na alta. Além da faixa de areia comum das praias, possui um ótimo espaço de grama com sombras, como um pequeno parque.

Por não ter o mesmo abrigo em forma de enseada, como no caso da praia da Concha, a praia do Resende possui mar mais agitado, com ondas suficientes para iniciantes no surfe e bodyboard.

No local não há hospedagens, bares e restaurantes, mas há venda de comes e bebes mais simples.

Interesses/estrutura: praia com ondas, vendedores (as), fotografia, surfe.

Alguns preços:

  • Copo de suco 300 ML (ambulantes) - R$ 3,00 aquii
  • Caldo de cana - R$
  • Cerveja R$
  • Água R$
  • Refrigerantes R$
  • Queijo coalho - R$ 5,00
  • Massagem R$
  • aquii

Praia da Tiririca

Caminhando por mais 5 minutos após a praia do Resende, ou descendo nesta e seguindo para a direita, por uma trilha simples na borda do mar, está a praia da Tiririca. Pra mim, a melhor das praias próximas do centro de Itacaré.

A praia da Tiririca é parecida com a do Resende, mas com faixa de areia maior e mar com ondas, mas um pouco mais tranquilo para banhar-se, devido aos bancos de areia. Lá estão localizadas várias pousadas, mas longe, depois de um paredão, de maneira que não sufocam a faixa de areia.

Para quem gosta de esportes, a praia da Tiririca é boa para surfe, possui uma pequena pista de skate em um lugar com paisagem linda, e um slackline que está sempre por lá.

Interesses/estrutura: praia com ondas, bicas de água doce, vendedores (as), bares, restaurantes, hospedagens, fotografia, surfe, slackline, skate, serviço de moto-táxis.

Alguns preços:

  • Copo de suco 300 ML (ambulantes) - R$ 3,00 aquii
  • Cerveja R$
  • Água R$
  • Refrigerantes R$
  • Queijo coalho - R$ 5,00
  • Almoço
  • Massagem R$
  • Moto táxi até o centro de Itacaré - R$ 5,00

Praia do Costa

Para chegar na praia do Costa basta caminhar 10 minutos mais, após a praia da Tiririca, ou seguir pela pequena trilha que beira o mar, a direita desta.

A praia do costa é parecida com a a praia do Resende, com a diferença que lá fica mais vazia e não costuma ter vendedores (as). A única atividade comercial fixa é um camping, no canto da praia.

De cima das pedras se tiram lindas fotos da paisagem que mistura o verde das matas e os azuis do mar e do céu.

Dica: tome cuidado ao banhar-se na praia do Costa, pois as correntezas são traiçoeiras por lá - prefira sempre manter-se no meio da praia, evite as pontas. Normalmente há uma bandeira que sinaliza onde é perigoso. Se tiver problemas, nade para o lado e não em direção a areia (para sair das valas), e só depois nade para sair.

Interesses/estrutura: praia com ondas, camping, fotografia, surfe.

Praia da Ribeira

Logo depois da praia do Costa, pelas pedras (ou alguns minutos após a praia da Tiririca), está a praia da Ribeira, a última das praias mais próximas do centro de Itacaré.

Essa costuma lotar de carros na temporada alta, com pessoas que vão para almoçar e beber com a família. A praia possui estrutura comercial e é indicada para quem visita Itacaré com filhos (as). Contudo, se você procura paz, esqueça essa praia.

A praia da Ribeira possui ampla faixa de areia e um riozinho que corre por sua lateral, formando uma piscina natural e desaguando no mar. O mar possui ondas, mas é mais tranquilo que das praias do Resende, Tiririca e do Costa. Seu entorno é composto por muito verde e a praia é distante dos bares, protegida entre as pedras.

Lá há uma tirolesa e um circuito de arvorismo, se você deseja aventurar-se.

Foi a praia que menos curti em Itacaré, devido a "bagunça" e quantidade de pessoas.

Interesses/estrutura: praia, bares, restaurantes, fotografia, tirolesa, arvorismo.

Alguns preços:

  • Copo de suco 300 ML (ambulantes) - R$ 3,00 aquii
  • Cerveja R$
  • Água R$
  • Refrigerantes R$
  • Queijo coalho - R$ 5,00
  • Almoço
  • Massagem R$
  • aquii

Praia do Siriaco aquii

blablabla

Interesses/estrutura: praia, bares, restaurantes, fotografia.

Alguns preços:

  • Copo de suco 300 ML (ambulantes) - R$ 3,00 aquii
  • Cerveja R$
  • Água R$
  • Refrigerantes R$
  • Queijo coalho - R$ 5,00

Lugares legais na praia da Siriaco:

  • Bar Marley's - bar noturno de ambiente agradável, onde costuma ter música ao vivo ou som ambiente (reggae, surf music, etc).
  • aquii

Prainha

blablabla

Interesses/estrutura: praia, bares, restaurantes, fotografia.

Alguns preços:

  • Copo de suco 300 ML (ambulantes) - R$ 3,00 aquii
  • Cerveja R$
  • Água R$
  • Refrigerantes R$
  • Queijo coalho - R$ 5,00

Lugares legais na Prainha:

  • Bar Marley's - bar noturno de ambiente agradável, onde costuma ter música ao vivo ou som ambiente (reggaesurf music, etc).
  • aquii

Praia de São José

blablabla

Interesses/estrutura: praia, bares, restaurantes, fotografia.

Alguns preços:

  • Copo de suco 300 ML (ambulantes) - R$ 3,00 aquii
  • Cerveja R$
  • Água R$
  • Refrigerantes R$
  • Queijo coalho - R$ 5,00

Lugares legais na praia de São José:

  • Bar Marley's - bar noturno de ambiente agradável, onde costuma ter música ao vivo ou som ambiente (reggaesurf music, etc).
  • aquii

Praia da Arruda

blablabla

Interesses/estrutura: praia, bares, restaurantes, fotografia.

Alguns preços:

  • Copo de suco 300 ML (ambulantes) - R$ 3,00 aquii
  • Cerveja R$
  • Água R$
  • Refrigerantes R$
  • Queijo coalho - R$ 5,00

Lugares legais na praia da Arruda:

  • Bar Marley's - bar noturno de ambiente agradável, onde costuma ter música ao vivo ou som ambiente (reggaesurf music, etc).
  • aquii

Praia de Jeribucaçu

blablabla

Interesses/estrutura: praia, bares, restaurantes, fotografia.

Alguns preços:

  • Copo de suco 300 ML (ambulantes) - R$ 3,00 aquii
  • Cerveja R$
  • Água R$
  • Refrigerantes R$
  • Queijo coalho - R$ 5,00

Lugares legais na praia de Jeribucaçu:

  • Bar Marley's - bar noturno de ambiente agradável, onde costuma ter música ao vivo ou som ambiente (reggaesurf music, etc).
  • aquii

Praia da Engenhoca

blablabla

Interesses/estrutura: praia, bares, restaurantes, fotografia.

Alguns preços:

  • Copo de suco 300 ML (ambulantes) - R$ 3,00 aquii
  • Cerveja R$
  • Água R$
  • Refrigerantes R$
  • Queijo coalho - R$ 5,00

Lugares legais na praia da Engenhoca:

  • Bar Marley's - bar noturno de ambiente agradável, onde costuma ter música ao vivo ou som ambiente (reggaesurf music, etc).
  • aquii

Praia do Hawaizinho

blablabla

Interesses/estrutura: praia, bares, restaurantes, fotografia.

Alguns preços:

  • Copo de suco 300 ML (ambulantes) - R$ 3,00 aquii
  • Cerveja R$
  • Água R$
  • Refrigerantes R$
  • Queijo coalho - R$ 5,00

Lugares legais na praia do Hawaizinho:

  • Bar Marley's - bar noturno de ambiente agradável, onde costuma ter música ao vivo ou som ambiente (reggaesurf music, etc).
  • aquii

Praia de Camboinha

blablabla

Interesses/estrutura: praia, bares, restaurantes, fotografia.

Alguns preços:

  • Copo de suco 300 ML (ambulantes) - R$ 3,00 aquii
  • Cerveja R$
  • Água R$
  • Refrigerantes R$
  • Queijo coalho - R$ 5,00

Lugares legais na praia de Camboinha:

  • Bar Marley's - bar noturno de ambiente agradável, onde costuma ter música ao vivo ou som ambiente (reggaesurf music, etc).
  • aquii

Praia de Itacarezinho

blablabla

Interesses/estrutura: praia, bares, restaurantes, fotografia.

Alguns preços:

  • Copo de suco 300 ML (ambulantes) - R$ 3,00 aquii
  • Cerveja R$
  • Água R$
  • Refrigerantes R$
  • Queijo coalho - R$ 5,00

Lugares legais na praia de Itacarezinho:

  • Bar Marley's - bar noturno de ambiente agradável, onde costuma ter música ao vivo ou som ambiente (reggaesurf music, etc).
  • aquii

Roda de Capoeira, quilombolas e Casa do Boneco aquii

Itacaré possui vários quilombolas, a maioria deles fomentado pelo Quilombo do Oitizeiro, terceiro maior quilombo do Brasil no século XVIII

Muitas pessoas visitam o Sana e não ouvem falar do Quilombo de Carukango, localizado em Macaé e Conceição de Macabu, e que foi o maior quilombo do Rio de Janeiro, e um dos mais importantes do Brasil, ao lado do Quilombo dos Palmares.

Do Quilombo de Carukango, negros escravizados se organizavam e lutavam contra a opressão sofrida pelos afrodescendentes brasileiros e contra a influência portuguesa que fazia do Brasil uma colônia.

O quilombo fica na Serra do Deitado, parte da Serra da Pedra Branca, na Serra Macaense.

Por do sol no centro cultural

blablabla

Comer

Restaurantes de locais (Tia Deth) aquii

da, e frutas, que são facilmente encontradas em carrinhos de vendedores (as) pelas ruas.

Dentre as frutas populares na cidade com destaque para o cacau - muito plantado e comercializado na região, conhecida como Costa do Cacau da Bahia.

Cachoeira de Tijuípe

A Cachoeira

Cachoeira do Rio do Engenho (Cachoeira do Cleandro)

Com

Cachoeira do Noré

blablabla

Cachoeira da Usina

blablabla

Cachoeira Bom Sossego

blablabla

Rafting em Taboquinhas

A quantidade de rios e corredeiras do Sana faz do lugar excelente para praticar canoagem e rafting.

Os passeios são principalmente na Barra do Sana (encontro do rio Sana e Macaé), descendo pelo rio Macaé, e há opções tanto para iniciantes, quanto para pessoas mais experientes (classe I até IV).

A melhor época para fazer rafting no Sana é o verão, quando o volume de água é maior.

As reservas devem ser feitas com antecedência. Horários mais comuns: diurno (10h às 15h) e noturno, quando há lua cheia (21h).

O passeio é realizado com, no mínimo, duas pessoas, e a idade mínima é de 8 ou 12 anos (depende do nível do rio).

Valor médio: R$ 120-150 (operadoras de Casimiro de Abreu) por pessoa (inclui instrutor, equipamentos e transporte) | Duração: 2h.

Empresas que fazem rafting no Sana:

Arvorismo, tirolesa e rapel

Há também a possibilidade de praticar rapel no Sana, pelos rios, cachoeiras e no Peito do Pombo.

Valor: a partir de R$ 30.

Empresas que fazem rapel no Sana:

  • Equipe Refloreste e Revigore | (22)2793 2576 | Eles ficam baseados no Art Café Camping (22 - 9 8845-7856) e/ou na Lanchonete Quero Quero
  • Bem Aventurados | (22) 9 9761-0873 | bemaventuradostrip@gmail.com

Passeios de barco

Birdwatching (observação de pássaros)

O Sana é um ótimo destino para Birdwatching (observação de pássaros). As espécies encontradas são as típicas da Mata Atlântica, com quase 200 pássaros diferentes para encontrar. Dentre eles:

  • Bacurau (Hydropsalis albicollis)
  • Beija-Flor Tesoura (Eupetomena macroura)

Valor: grátis.

Trilha para o Peito do Pombo (1.120 M)

O Sana possui várias possibilidades de trekking e caminhadas, mas a mais famosa é com certeza a trilha até o Pico do Peito de Pombo. Essa é a conquista mais desejada por quem visita o Sana.

Valor: grátis. Distância: 7,5 KM (ida). Tempo: 6-7h (ida e volta).

Downhill no Sana

Devido sua topografia e terrenos irregulares, há bons lugares para praticar downhill no Sana. Ao longo do ano, chegam a acontecer algumas provas de corridas rústicas e mountain bike, organizadas pela Prefeitura de Macaé.

Veja aqui um arquivo de uma das competições, no Strava.

Vida noturna e festivais em Itacaré

favela, o tal do forro

  • Favela, Bora Bora Pub, Marley's, Núhh, Mas que nada, sol e mel, bar balada
  • quiosques que tem reveillon
  • O tal do forró

Sentar nos bares do centro para beber, jogar sinuca, e ver o tempo passar devagar, é uma das melhores coisas para fazer em Sana, depois das cachoeiras.

Além disso, o Sana respira música alternativa durante o ano inteiro, mas principalmente nos finais de semana e no verão. É fácil encontrar um lugar com música ao vivo, principalmente reggae, rock, forró pé de serra e samba, quase sempre de artistas locais independentes.

A Raiz do Sana, banda de forró que ficou conhecida nacionalmente, foi crida no Arraial do Sana. Outra banda famosa por lá é a Pavio Curto, de rock.

A noite no Sana começa por volta das 21h-22h nos bares e segue até umas 2h da manhã. Depois, é comum a noite seguir em algum camping ou ruazinha. Geralmente, o fim de noite é no Camping da Ilha (na entrada das cachoeiras), onde o forró vai até de manhã.

Festas e Festivais no Sana

Das festas anuais, o Sana Reggae Festival é o evento mais famoso. Mas há também a Semana Sana, que acontece sempre durante a semana santa (abril), a Festa do Sana (julho), e a Tradicional Festa da Cabeceira do Sana (setembro).

O réveillon é a época mais cheia no verão.

Todos os eventos costumam ser divulgados na Página do Sana e nos grupos Sana e Sana Oficial, ambos no Facebook.

Como ir de Itacaré para a Península do Maraú barato?

Basta fazer uma pequena baldeação, tomando um ônibus que sai da rodoviária de Itacaré até Camumu (R$ 10) e, de lá, um barco (R$ 15) AQUII perguntar aki valores e se paga taxa.

Outras dicas de viagem para Itacaré, Bahia (aquii)

DDD e padrão de tomadas - O código telefônico de Itacaré é o 73 padrão de tomadas é o tipo N, podendo encontrar algumas do tipo B e C, e a voltagem é 110 V.

Praias -

Valas e correntezas -

Cachoeiras - As principais cachoeiras do Sana são gratuitas, mas possuem um pequeno posto de controle na entrada da trilha. Lá, guardas passam as recomendações e pequenas normas da Bacia Hidrográfica do Córrego do Peito de Pombo (Resolução 004/2010, do Conselho Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável - COMMADS), para sua visita.

É proibido:

  • Tráfego de veículos motorizados e bicicletas nas cachoeiras;
  • Prática de esportes;
  • Entrada de animais domésticos;
  • Ingressar com isopores, caixas e similares, bebidas alcoólicas, objetos de vidro, aparelhos ou instrumentos que promovam ruídos elevados, churrasqueiras, barracas de camping, produtos que oferecem riscos de incêndio, e óleos bronzeadores

Horário de visitação: 8h às 17h.

Preserve a natureza - Por favor, não entre nos rios e cachoeiras com nenhum tipo de produto químico. Isso inclui: shampoo, condicionador, cremes, repelentes, protetor solar, bronzeador, etc. Não leve animais, isopores, churrasqueiras. Ao regressar, leve seu lixo e eventuais lixos que puder retirar do caminho. Vamos manter o lugar sempre limpo e preservado para todos, inclusive nós mesmos. Ps: guimba de cigarro também é lixo.

Onde ficar no Sana? Uma dica importante é atentar-se à localização da sua hospedagem antes de reservar. Isso, pois, o distrito do Sana, como informei no início do artigo, é dividido em três localidades: a Cabeceira do Sana (na entrada), a Barra do Sana (um pouco depois), e o Arraial do Sana, local mais movimentado e onde a maioria das pessoas se hospeda. As distâncias entre as localidades não é tão próxima, há transportes interligando, mas com poucos horários.

Dica: as cachoeiras do Escorrega, Recanto das Borboletas, Sete Quedas, e do Pai, da Mãe e do Filho, são todas formadas pelo Córrego Peito do Pombo, ou seja, são mais próximas das hospedagens do Arraial do Sana, centrinho mais povoado do distrito.

Enquanto as cachoeiras das Andorinhas, Singela, Santa Rosa, Fervedeira, da Flor, do Segredo, do Segredinho, do Silêncio, Roncadeira (ou do Tamanduá), Escondida, e de Boa Sorte, ficam mais próximas das hospedagens da cabeceira do Sana.

Repelente - O Sana combina rios e mata, isso significa uma boa quantidade de mosquitos. Não esqueça seu repelente (mas não entre nos rios e cachoeiras com ele, pois são poluentes).

Lona para acampar no verão - Se você está indo para acampar durante o verão, considere seriamente levar uma lona para proteger sua barraca da chuva. Nesse período costuma chover bastante em Sana. Além disso, vale a pena proteger seus bens guardando-os em sacos plásticos de lixo ou mercado.

Bancos - Em Itacaré muitos lugares aceitam cartões, e possuem agências do Bradesco/HSBC, Caixa, Itáu e Banco do Brasil. Além de ter caixa eletrônico 24h (apesar de estar em um estabelecimento que não funciona 24h, risos - fica perto do Banco do Brasil, no centro). Mas é sempre bom levar dinheiro.

Postos de gasolina - Itacaré tem mais de um posto de gasolina, mas não espere franquias famosas, nem combustíveis baratos.

Farmácias - Itacaré conta com várias farmácias pequenas e posto de saúde (casos mais graves são encaminhados a Ilhéus).

Segurança - O Sana é um típico vilarejo, portanto bastante seguro tanto para caminhar a qualquer hora, quanto para chegar e sair de carona. aquii

Telefonia e internet - Os sinais de telefone e 3G em Itacaré são razoáveis, geralmente pegando para todas as operadoras. É comum ter Wi-Fi em hospedagens e estabelecimentos.

Valores e dados de janeiro de 2017

Mais fotos e informações: Página do Itacaré.com no Facebook aquii | Site da Prefeitura de Nova Friburgo

Obrigado pela leitura e boa viagem!

Gostou do artigo? Então ajude o Instinto Viajante a se manter no ar =) Clique aqui e doe quanto quiser. Obrigado!

Se esse artigo lhe ajudou pode ajudar outros viajantes, curta e compartilhe =)

Booking.com

Mais dicas de viagem

Você tem outras dúvidas ou mais dicas de viagem para Itacaré-BA? Conte para nós nos comentários!

Curta Instinto Viajante no Facebook e siga-nos pelo Instagram

Copyright 2014-2019 © Instinto Viajante. All Rights Reserved.