Melhores praias de Niterói, Rio de Janeiro (guia completo)

itacoatiara-niteroi

Guia de praias de Niterói/RJ

Niterói é uma das preciosidades do Estado do Rio de Janeiro, no Brasil, localizada a poucos quilômetros da capital, mas que muitos turistas desconhecem (principalmente estrangeiros). Conhecida como “cidade sorriso“, Niterói é um dos ótimos destinos de verão brasileiros, famosa por ter a melhor vista para a cidade do Rio de Janeiro, principalmente desde as orlas da Boa Viagem, da praia de Icaraí, e do mirante do Parque da Cidade.

Contudo, diferente do que dizem os cariocas, esse não é o único dos interesses turísticos em Niterói. Com ampla costa que segue sentido Região dos Lagos, a cidade abriga algumas das melhores praias do Estado do Rio de Janeiro, principalmente na chamada Região Oceânica de Niterói – verdadeiros achados que são aproveitados por moradores locais.

Hoje o Instinto Viajante mostra quais são as melhores praias de Niterói, as mais populares, quais praias de Niterói são próprias para banho, e fotos.

As melhores praias de Niterói/RJ

Este post está dividido nas categorias a seguir. Você pode ver tudo ou clicar nos tópicos que mais lhe interessam. Cada subtítulo contém nome da praia | bairro (ex: Praia de Itacoatiara | Itacoatiara). Obrigado pela visita e boa viagem!

Ajude o Instinto Viajante a se manter no ar =) Clique aqui e doe quanto quiser. Obrigado!

1. Praia de Itacoatiara | Itacoatiara

praia-de-itacoatiara-rj

Praia de Itacoatiara, Niterói. Foto: Zedu | panoramio.com

A praia de Itacoatiara é a melhor praia de Niterói! É uma praia de mar aberto, frequentada principalmente por jovens, surfistas, e praticantes de slackline. O mar é quase sempre agitado, e com ondas fortes. A areia é fina e clara, e as águas azuis e cristalinas. Vale a visita mesmo para quem não gosta de mar forte, pois sua paisagem é imperdível, composta por montanhas que abrigam a praia.

Do lado esquerdo está o Costão de Itacoatiara, local protegido pelo Parque da Serra da Tiririca, mas com entrada gratuita, e uma trilha tranquila, em meio a Mata Atlântica, que leva ao topo do morro. De lá há vista para a praia de Itacoatiara, o oceano Atlântico, Rio de Janeiro, e praia de Itaipuaçú e Pedra do Elefante, em Maricá. Já no lado direito, está a Pedra do Pampo, onde fica uma prainha menor e mais tranquila, ideal para quem vai com crianças.

Aconselho chegar cedo, fazer a trilha até o topo do Costão de Itacoatiara, e aproveitar a praia em seguida. Ou subir posteriormente para ver o fim de tarde. No entardecer costuma ter música ao vivo em alguns quiosques ou som estilo lounge, que é bem legal. Na areia, vale a pena provar sanduíches naturais, mate gelado e sacolés.

Como chegar: Quem visita de carro não possui dificuldades de acesso. De ônibus, há a linha 38, que sai do terminal de ônibus de Niterói, e deixa próximo à praia (salte em frente a uma guarita, que é o posto policial da entrada do bairro).

Estrutura: Possui lugares para estacionar, quiosques, lanchonetes, vendedores ambulantes na areia, e alguns restaurantes, pousadas, lojinhas – a maioria aceita cartões. É muito difícil de encontrar banheiros. Nível de preços: alto.

Principais interesses: surfe, boadyboard, standup paddle, trilha com mirante, escalada, pedalar e caminhar, esportes de praia, e por do sol | Praia apta para banho

2. Praia do Sossego | Piratininga

praia-do-sossego-niteroi

Praia do Sossego, em Piratininga, Niterói. Foto: renataviaja.com

Outra dentre as melhores praias de Niterói, é a praia do Sossego. Uma  praia pequena de apenas 150 M, localizada entre Camboinhas e Piratininga, na Região Oceânica de Niterói, e desconhecida por muitas pessoas. Possui areias finas, claras, águas azuis, límpidas, e normalmente tranquilas. Sua orla é envolvida por morros, vegetação de restinga, e Mata Atlântica. Normalmente é procurada por pessoas mais roots, e que buscam curtir a praia mais tranquilas.

Faz parte do Parque Natural Municipal de Niterói, e é considerada Monumento Natural, abrigada por uma área de preservação. Ainda mantém seu caráter selvagem, e é uma praia menos frequentada de Niterói, principalmente devido ao acesso dificultado – sendo alcançada apenas pelo mar ou por trilha.

Como chegar (forma mais rápida): Deve-se chegar no bairro de Camboinhas, e tomar uma ladeira chamada rua da Graça, indo até o final (há placas indicando). Para quem chega de ônibus é um pouco mais complicado, mas da pra ir. Deve-se tomar a linha 39, que sai do terminal de ônibus de Niterói, sentido Piratininga, e saltar em Camboinhas (o ônibus não chega na praia), e caminhar até a trilha, e, posteriormente, até a praia. Essa trilha é fácil e muito curta.

Estrutura: Não possui infraestrutura. Durante sua visita leve lanches e água, e retorne com seu lixo (e, se possível, com lixos que encontrar – se cada um limpar um pouco, compensamos os que sujam).

Principais interesses: boadyboard, standup paddle, trilha com mirante, e esportes de praia | Praia apta para banho

3. Praia de Camboinhas | Camboinhas

praia-de-camboinhas-niteroi

Praia de Camboinhas, Niterói. Foto: Zedu | panoramio.com

A praia de Camboinhas é uma das mais procuradas dentre as praias de Niterói – ficando lotada durante o verão. Com mar tranquilo e quiosques à beira mar, a praia é mais frequentada por famílias e cidadãos boêmios. Sua areia é fina e clara, e as águas cristalinas e de tons esverdeados.

Antes era um bairro de pescadores, mas, com a especulação imobiliária, converteu-se em lugar de classe média alta. O nome Camboinhas vem de um enorme navio que encalhou no local, na década de 50, e até hoje é parcialmente visto em momentos de maré baixa. Um interesse legal dessa praia é seu amplo calçadão para caminhar e andar de bicicleta.

Como chegar: Quem visita de carro não possui dificuldades de acesso. De ônibus, há a linha 39, que sai do terminal de ônibus de Niterói, e deixa no bairro de Camboinhas, mas longe da praia (cerca de 2 ou 3 KM) – tome um táxi ou caminhe.

Estrutura: Possui chuveiros de água doce, lugares para estacionar, quiosques, lanchonetes, vendedores ambulantes na areia, e alguns restaurantes, pousadas, lojinhas – a maioria aceita cartões. Nível de preços: alto.

Principais interesses: calçadão para pedalar e caminhar, esportes de praia, windsurfboadyboard, standup paddle, caminho para a praia do Sossego, canal entre Camboinhas e Itaipu, skate e patins | Praia apta para banho

4. Praia de Piratininga | Piratininga

praia-de-piratininga-niteroi

Praia de Piratininga, Niterói. Foto: Cesar Cunha | panoramio.com

A praia de Piratininga é a primeira, e maior, praia da Região Oceânica de Niterói, com 2,7 KM. É, na verdade, dividida entre duas praias: o Praião, maior e com mar agitado; e a Prainha, menor e de mar mais calmo. Possui inúmeros quiosques que são boas opções para comes e bebes, inclusive um que conta com chopes e cervejas Noi, famosa cervejaria artesanal de Niterói que vale a pena conhecer. A praia é mais visitada por famílias e moradores locais.

Sua paisagem inclui uma praia linda, de areias claras e finas, e mar esverdeado e cristalino, na maior parte do ano. Compondo o cenário está a Pedra da Baleia, local comumente explorado por mergulhadores. Outro interesse é a vista para a zona sul do Rio de Janeiro, com destaques para Copacabana, Pão de Açúcar, e Cristo Redentor. Nas proximidades ainda estão a Lagoa de Piratininga e o Morro da Viração. As imediações da praia são bem legais por que a rua é fechada aos sábados, domingos e feriados (das 7h as 22h), para a prática de esportes, como patins e skate, e há um calçadão para caminhar e andar de bicicleta. Praticantes de standup paddle podem fazer a travessia Piratininga – praia do Sossego.

Estrutura: Possui lugares para estacionar, quiosques, lanchonetes, vendedores ambulantes na areia, e alguns restaurantes, pousadas – a maioria aceita cartões. Nível de preços: médio/alto.

Principais interesses: esportes de praia, mergulho, surfe, boadyboard, standup paddle, trilha com mirante, pedalar e caminhar, skate e patins | Praia apta para banho

5. Praias de Adão e Eva | Jurujuba

praia-de-adao-e-eva-niteroi

Praia de Adão e Eva, em Jurujuba, Niterói. Foto: Ivo Korytowski | panoramio.com

As Praias de Adão e Eva são duas praias pequenas, uma com 250 M, e outra com 150 M, respectivamente. A praia de Eva fica mais próxima da entrada da Baía de Guanabara, com mar mais tranquilo, com tom esverdeado, e areias finas e claras. A praia de Adão costuma ter o mar um pouco mais forte e mesmas características de cores do mar e da areia.

O diferencial dessas praias são o ambiente acolhedor. São buscadas principalmente por famílias e moradores da região, ficando bem cheias durante o verão e dias de sol. Estão localizadas próximas do acesso à Fortaleza de Santa Cruz, antigo forte de Niterói, construído em 1612, e que foi uma das principais defesas do Rio de Janeiro nos tempos em que o Brasil foi colônia.

Estrutura: Possui poucos lugares para estacionar e, eventualmente, uma barraca com venda de bebidas e algo para comer. Não há banheiros. Nível de preços: médio/alto.

Principais interesses: esportes de praia, standup paddle | Praia apta para banho

6. Praia de Itaipú | Itaipú

praia-de-itaipu-niteroi

Por do sol na praia de Itaipu, Niterói. Foto: Filipo Tardim | panoramio.com

A praia de Itaipú é a praia mais calma de Niterói, devido sua formação de enseada. É uma praia muito buscada por famílias com crianças e pela boemia da cidade, e lota quase sempre, tanto por sua gama de bares, restaurantes e quiosques, quanto por seu mar tranquilo. O local também é uma das maiores colônias de pescadores de Niterói.

Possui areia fina, mas um pouco mais escura que as outras praias de Niterói, e as águas do mar esverdeadas, mas não tão claras. O maior atrativo do lugar é mesmo a praia de mar manso, mas o ponto negativo é a quantidade de pessoas, deixando-a muito lotada, e mais suja. Preferencialmente, visite fora de temporada e/ou em dias de semana.

Além da praia, Itaipú brinda seus turistas com pequenas dunas, um canal entre Itaipú e Camboinhas, a Lagoa de Itaipú, e o museu arqueológico de Itaipú. Para quem gosta de trekking, é no bairro de Itaipú que está a trilha do Morro das Andorinhas, uma linda caminhada gratuita em meio a natureza, tranquila e de pouca exigência física, que compõe o Parque Estadual da Serra da Tiririca. O mirante no topo do morro oferece vista para os morros, praias, e lagoas da região.

Estrutura: Possui lugares para estacionar, restaurantes, quiosques, lanchonetes, vendedores ambulantes na areia, pousadas, e lojas – a maioria aceita cartões. Nível de preços: médio/alto.

Principais interesses: brincar com crianças, esportes de praia, standup paddle, canoagem, caiaque, trilha com mirante, por do sol, algumas pessoas surfam no canal de Itaipú e na laje, mas não é ideal para o surfe | Praia apta para banho


Booking.com

seta-instinto-viajante Outras praias em Niterói/RJ

7. Praia de Boa Viagem e praia Vermelha | Boa Viagem

praia-da-boa-viagem-niteroi

Praia da Boa Viagem, Niterói. Ao fundo, a vista para o Rio de Janeiro. Foto: guiadeniteroi.com

A praia de Boa Viagem oscila bastante ao longo do ano, sendo possível encontra-la com águas mais densas e escuras, até esverdeadas e límpidas. Possui areias finas e claras, e tem cerca de 450 M de extensão. Compondo o lindo cenário da praia estão, a ilha de Cardoso, ilha da Boa Viagem (onde está a Igreja de Nossa Senhora da Boa Viagem), e, à esquerda, o Museu de Arte Contemporânea (MAC), um dos pontos turísticos mais famosos de Niterói.

Ao longo do ano, devido as variações no movimento das marés, a praia de Boa Viagem pode ser qualificada em apta ou inapta para banho. Mas eu não aconselho desfruta-la para nadar, pois é uma praia banhada pela Baía de Guanabara, que se encontra altamente poluída. A praia e entorno é mais frequentada por pescadores e niteroienses praticantes de esportes.

Mesmo assim, consideramos imperdível visitar-la pela paisagem. Afinal, é caminhando pelo calçadão da Boa Viagem, afastando-se do museu e indo pelo trecho que já é praia Vermelha, que se tem uma das melhores vistas para as famosas montanhas do Rio de Janeiro. Um lindo cenário (e romântico) para admiração, fotos e caminhadas, principalmente durante o fim de tarde. O local conta com quiosques e vendedores de água de coco.

Estrutura: Possui alguns lugares para estacionar, quiosques, e vendedores ambulantes – a maioria não aceita cartões. Não há banheiros no local. Nível de preços: alto.

Principais interesses: esportes de praia, standup paddle, pedalar e caminhar, skate e patins, por do sol | Praia não apta para banho na maior parte do ano

8. Praia de Icaraí | Icaraí

praia-de-icarai-niteroi

Praia de Icaraí, Niterói – uma das melhores vistas para o Rio de Janeiro. Foto: Claudio Arraial | panoramio.com

praia de Icaraí é a praia mais famosa de Niterói, pois é onde vivem os moradores de classe média-alta da cidade, e por ter como plano de fundo a praia do Flamengo e a praia de Botafogo, no Rio de Janeiro, além das lindas montanhas da cidade maravilhosa, como a Pedra da Gávea, o Morro Dois Irmãos, o Pão de Açúcar, e o Cristo Redentor. Contudo, trata-se de uma praia para admirar a paisagem, praticar esportes, andar de bicicleta, caminhar e correr pelo amplo calçadão, pois está quase sempre inapta para banho.

O boletim de balneabilidade do INEA (Instituto Estadual do Ambiente) de 2016 classificou apenas um ponto da praia de Icaraí como impróprio para banho, na altura da Rua Mariz e Barros. Mas eu não recomendo o banho em nenhum ponto da praia.

De qualquer forma, merece uma visita, seja durante o dia, seja pela noite. E está sempre muito movimentada. Durante todo o dia há pessoas caminhando, andando de bicicleta, jogando vôlei de praia, futebol de areia, futevôlei, rugby, malhando, e praticando standup paddle, slackfline, circuitos e crossfit, etc. Próximos da orla há diversos comércios, lanchonetes, restaurantes e vendedores de rua. A lanchonete Ponto Jovem (altura da rua Miguel de Frias), no início da praia, é uma das mais famosas do bairro e funciona 24h por dia.

Estrutura: Possui alguns lugares para estacionar (com ampla disputa), vendedores ambulantes, lanchonetes, restaurantes, e lojas nas proximidades – a maioria aceita cartões. É difícil encontrar banheiros. Nível de preços: alto.

Principais interesses: esportes de praia, surfe, boadyboardstandup paddleslackline, pedalar e caminhar, passear com crianças | Praia não apta para banho na maior parte do ano

9. Praia das Flexas | Ingá

praia-das-flechas-niteroi

Praia das Flechas, Niterói. Foto: forum.imasters.com.br

A praia das Flexas é uma pequena extensão de areia, entre a praia de Icaraí e a praia de Boa Viagem, sendo pouco frequentada, principalmente por não apresentar condições próprias para banho na maior parte do ano. Portanto, é mais uma praia que vale uma passagem pela paisagem, pois de lá uma ótima vista principalmente para a orla da praia de Icaraí, a Pedra de Itapuca, e a Pedra do Índio.

Segundo o boletim de balneabilidade do INEA de 2016, a praia das Flechas está própria para banho nos dois trechos analisados: em frente à Rua Nilo Peçanha e na altura do número 163 da Rua Praia de Icaraí. Mas eu não recomendo o banho em nenhum ponto da praia.

O calçadão que passa pela praia é o mesmo que começa na praia de Icaraí, e segue até a praia de Boa Viagem, e amplamente utilizado para caminhadas, corridas, e pedaladas.

Estrutura: Possui poucos lugares para estacionar e não há muita atividade econômica no local, mas sim no bairro do Ingá, bem próximo da praia. Não há banheiros.

Principais interesses: paisagem, caminhar, correr, e andar de bicicleta, standup paddle | Praia não apta para banho na maior parte do ano

10. Praia de Charitas | Charitas

praia-de-charitas-niteroi

Praia de Charitas, Niterói. Foto: Heloísa Prado | panoramio.com

praia de Charitas é outra praia de Niterói com uma faixa de areia enorme, amplo calçadão, e que vale a visita pela paisagem e vista para a cidade do Rio de Janeiro. O local costuma ficar movimentado durante todo o dia, inclusive pela noite, pois possui quiosques, bares, restaurantes, e casa noturna. Há ainda uma barca que liga Charitas à cidade do Rio de Janeiro (mais cara que as barcas do centro).

Também na localidade estão a praia da Areia Grossa e a praia da Maçã, já chegando em Jurujuba, ambas como extensão da praia de Charitas. No local também há grupos que praticam canoa havaiana.

As condições não são boas para banho, mas a areia é amplamente utilizada para a prática de esportes, como caminhar, correr, andar em bicicleta, e esportes de praia. Frequentemente, pode-se observar instrutores e turistas pousando na areia com asas-deltas, parapentes, etc, que saltam desde o mirante Parque da Cidade, o mirante mais lindo de Niterói, que possui uma rampa de voo livre.

Estrutura: Possui lugares para estacionar, quiosques, lanchonetes, vendedores ambulantes, restaurantes, bares, casa noturna, e motel – a maioria aceita cartões. Nível de preços: alto.

Principais interesses: esportes de praia, standup paddle, canoagem, caiaque, pedalar e caminhar, skate e patins | Praia não apta para banho na maior parte do ano

11. Praia de São Francisco | São Francisco

praia-de-sao-francisco-niteroi

Praia de São Francisco, Niterói. Foto: Luciano Elly Gomes | panoramio.com

A praia de São Francisco possui 750 M de extensão, com areia clara e fina, e muitas sombras projetadas por suas enormes gramíneas e amendoeiras. Seu amplo calçadão é bem movimentado, com pessoas praticando esportes, caminhadas, e ciclismo. É comum ver praticantes de esportes náuticos e de vela, devido a calmaria do mar. No fim da praia, está a Igreja de São Francisco Xavier, no alto de uma colina.

Durante o dia é utilizada para esportes e passeios, e à noite um dos principais lugares para vida noturna em Niterói, e muito frequentado por jovens. Isso, pois, conta com dezenas de bares, restaurantes e boates. O local conta com uma boa pista de skate, e também é palco para encontros, batalhas, e improvisações de rap – a roda de rap de Niterói, que acontece todas as terças, a noite.

O INEA divulgou em 2016 que a praia está própria para banho na altura do número 233, da Avenida Quintino Bocaiúva. Mas eu não recomendo o banho no local.

Estrutura: Possui lugares para estacionar, quiosques, lanchonetes, vendedores ambulantes, restaurantes, bares, e casas noturnas – a maioria aceita cartões. Nível de preços: alto.

Principais interesses: esportes de praia, standup paddle, esportes náuticos e de vela, pedalar e caminhar, skate e patins, por do sol | Praia não apta para banho na maior parte do ano

12. Praia de Jurujuba | Jurujuba

praia-de-jurujuba-niteroi

Praia de Jurujuba, Niterói – vila de pescadores. Foto: praias.com.br

A praia de Jurujuba, que fica um pouco depois da praia de Charitas, é outra bastante visitada por moradores de Niterói. Possui águas tranquilas e frias, e sua areia não é tão clara, quanto as melhores praias de Niterói. A orla possui uma calçada para caminhada, e é ornamentada por amendoeiras, ipês, e outras árvores.

O INEA divulgou em 2016 que está própria para banho na altura do número 1.111, da Avenida Carlos Ermelindo Marins, e imprópria em frente à Colônia de Pescadores. Mas eu não recomendo o banho em nenhum trecho.

Próximo da praia de Jurujuba está a praia do Cais, uma pequena praia que também faz parte da Enseada de São Francisco. Nela está o bar Pier 31, bastante frequentado na região e que possui videokê, músicas ao vivo, e jogos.

Aí também está o caminho que leva ao Parque da Cidade de Niterói, uma Área de Preservação Ambiental, com o melhor mirante de Niterói em seu topo, com 270 metros de altitude. Esta área faz parte do Morro da Viração, possuindo natureza privilegiada e uma rampa de vôo livre.

Estrutura: Possui lugares para estacionar, e é uma vila de pescadores. Nível de preços: médio.

Principais interesses: esportes de praia, standup paddle, esportes náuticos e de vela, pedalar e caminhar, trilha com mirante | Praia não apta para banho na maior parte do ano

seta-instinto-viajante Mais praias em Niterói

Além das melhores praias de Niterói que citamos aqui, há ainda outras praias, mas pouco frequentadas por banhistas.

São elas:

  • Praia de Samanguaiá | Jurujuba
  • Praia do Preventório | Jurujuba
  • Praia da Várzea ou praia de Salinas (antiga praia do Rio Branco) | entre Charitas e Jurujuba
  • Praia de Gragoatá | próxima ao centro

E também a praia de Fora, ou praia do Forte do Rio Branco, e praia do Forte, ou praia de Imbuí, que, apesar de serem bonitas, são áreas militares e possuem acessos controlados, sendo difícil de conseguir permissão para visita-las (sim, os militares acham que ‘privatizar’ praias é o mesmo que cuidar…).

seta-instinto-viajante Praias de Niterói próprias para banho

Resumindo e recapitulando, essa é a lista de praias em Niterói próprias para banho:

  • Praia de Itacoatiara
  • Praia do Sossego
  • Praia de Camboinhas
  • Praia de Piratininga
  • Praias de Adão e Eva
  • Praia de Itaipú
  • Praia das Flechas (está própria de acordo com o último relatório, mas eu não indico)
  • Praia da Boa Viagem (está própria de acordo com o último relatório, mas eu não indico)
  • Praia de Charitas

Praias de Niterói impróprias para banho:

  • Praia de Icaraí (maior parte dela está imprópria)
  • Praia do Gragoatá
  • Praia de Jurujuba (maior parte dela está imprópria)
  • Praia de São Francisco
  • Praia do Gragoatá

Consulte o último boletim de balneabilidade das praias de Niterói aqui. Veja novas atualizações aqui.

seta-instinto-viajante Dicas para visitar as praias de Niterói

Saia cedo –  Tente sair cedo para as praias, pois Niterói costuma ter trânsito e os ônibus ficam cheios em finais de semana, dias de sol e durante o verão.

Consulte a previsão dos tempo – Veja a previsão do tempo do bairro que está a praia desejada, de forma específica. isso, pois, é possível que o tempo esteja aberto no centro da cidade e fechado na Região Oceânica. Sites que indicamos para esta região: Windguru, AccuWeather, e Climatempo.

Leve lanche e água – A maioria das praias possuem estrutura, com venda de bebidas e comidas, mas os preços costumam ser salgados. Leve um lanchinho e uma garrafinha d`água se quiser economizar.

Sol quente – Leve protetor solar sempre e itens que lhe protejam do sol, que é bem quente na cidade. Se você não está acostumado (a) com sol muito quente e/ou é muito branco (a), meu conselho seria visitar as praias fora do verão, preferencialmente no outono e inverno (sim, há dias quentes para praia nessas estações), que inclusive as praias ficam menos lotadas, com preços mais baixos, e são épocas de menos chuvas. As praias com infraestrutura possuem aluguel de guarda sol e cadeiras que variam a partir de R$ 10-15.

Contribuiu para o artigo: Isabela Santacruz

Gostou do artigo? Então ajude o Instinto Viajante a se manter no ar =) Clique aqui e doe quanto quiser. Obrigado!

seta-instinto-viajante Mais dicas de viagem

Ficou alguma dúvida ou quer dar outras dicas sobre as praias de Niterói? Conte para nós nos comentários!

Se esse artigo lhe ajudou pode ajudar outros viajantes, curta e compartilhe =)

Foto cabeçalho praias de Niterói: viajeaqui.abril.com.br

Curta Instinto Viajante no Facebook e siga-nos pelo Instagram


« | »

Sobre