10 coisas para NÃO fazer em destinos de ecoturismo

10 coisas para NÃO fazer em destinos de ecoturismo

Saiba dez coisas que você NÃO deve fazer (nem deixar que façam) em viagens de ecoturismo

Já li e escrevi diversas listas do que fazer em destinos de ecoturismo, mas nunca li sobre as recomendações do que NÃO fazer em destinos de ecoturismo.

Neste artigo veremos o que evitar para manter estes locais sempre lindos, limpos e preservados como todos nós gostamos de vê-los quando os visitamos.

10. Jogar lixo fora da lixeira 

Ecoturismo

Não deixe lixo em praias. Foto: mellancia.wordpress.com

Talvez o mais óbvio e lembrado de todos: não jogar lixo no chão, nas trilhas, rios, mares, onde quer que seja. Jogue seu lixo sempre em uma lixeira. Tente sempre se atentar se o local possui coleta de lixo, em alguns casos, como pequenas ilhas, você ajuda mais levando seu lixo embora do que jogando em uma lixeira local, onde irá acumular.

Se ao longo de uma trilha ou passeio encontrar lixos pelo caminho, não apenas ache ruim, tome uma atitude positiva e retire você mesmo o lixo dali. Olhar e chamar quem o fez de porco não deixa o lugar limpo. Vá além.

9. Fazer barulho em excesso 

Ecoturismo

Evite a poluição sonora. Foto: vipado.com.br

A poluição sonora muitas vezes passa desapercebida por muitos, mas tenha consciência que ela existe e, mesmo que não o incomode, pode incomodar outras pessoas, bem como moradores locais e até mesmo os animais. Evite som alto sempre, é possível se divertir com um volume mais baixo e estar em harmonia com o que há em volta.

8. Usar a máquina fotográfica indiscriminadamente

Use a máquina fotográfica com consciência, cautela e principalmente bom senso. Há vários ambientes em um destino de ecoturismo muito bacanas para tirarmos aquela foto e recordar no futuro, porém nem todos são legais de fotografar. Entenda que alguns animais sofrem com fotos com flash, bem como alguns moradores locais mais humildes e principalmente crianças que não possuem o mesmo acesso aos bens que você possui podem não se sentirem bem com a exibição dos mesmos. Faça mais amigos que fotos, guarde a câmera em alguns momentos.

7. Fazer fogueiras 

Ecoturismo

Foto: descomplicando.com

Não faça fogueiras em destinos de ecoturismo. As fogueiras poluem a paisagem natural, bem como podem prejudicar o solo e outras complicações. Evite fazê-las. Caso seja fundamental, enterre o que sobrou após fazer uma fogueira e certifique-se de que não ficou nenhuma brasa que possa vir a se alastrar por alguma floresta ou campo.

6. Alimentar os animais  

Ecoturismo

Não alimente os animais.

Por mais que achemos que estamos ajudando aquele animal bonitinho e fofo que vimos naquela viagem de ecoturismo, isso é na verdade algo nocivo. Tenha em mente que o animal silvestre precisa e conseguirá buscar seus alimentos de forma natural e que, pode ter certeza, serão melhores para ele do que o que trazemos na mochila. Não alimente, nem toque os animais. Curta de longe sua beleza natural e mantenha toda cadeia linda e preservada como sempre deve ser.

5. Levar animais de fora da região 

Foto: anda.jor.br
Pior do que alimentar os animais, é levar um novo animal para um ambiente que não é o seu, caso muito comum com os saguis em diversas regiões. Animais que não são naturais do meio em que passam a viver não possuem predadores naturais, dentre outros fatores, causando desequilíbrio no ecosistema.

4. Caçar e arrancar plantas


www.tamegasousa.pt

Não precisamos nem enumerar os motivos pelo qual caçar qualquer animal é nocivo para o seu destino de ecoturismo né? Pois é, mas além das caças grandes, existem as menores como quaisquer animais pequenos, peixes ou passarinhos. Não cace animais, sejam eles quais forem.

Outro tipo de caça muitas vezes ignorada, é arrancar plantas para presentear alguém ou levar para casa. Não faça isso em hipótese alguma. A planta está melhor e mais bela onde está, não seja egoísta.

3. Criar atalhos em trilhas

EcoturismoEm destinos de ecoturismo é muito comum ter trilhas, muitas delas famosas e demarcadas por algum parque ou autoridade ambiental. Sendo assim, siga a trilha oficial sempre. Criar atalhos pelo caminho ou adotá-los prejudica o crescimento natural da mata selvagem e sua floresta primária. Não crie atalhos, desfrute dos caminhos feitos pelos guias que conhecem a região e trabalham de acordo com as necessidades do local.

2. Pichar pedras e árvores, riscar e afinsEcoturismo

Assim como criar atalhos, pichar, riscar ou alterar de qualquer forma pedras, árvores e outros itens da natureza não faz sentido algum. Não piche, risque ou altere nada da natureza, deixe-a natural e preservada como sempre foi, com o mínimo de interferências humanas.

1. Usar sabão, protetor solar, repelentes e lavar coisas em rios e cachoeiras  

Este é um ponto que vejo diversas vezes, algo muito recorrente, em destinos de ecoturismo. Não use sabão, protetor solar, repelentes e nem lave coisas quando estiver em rios e cachoeiras. Muita gente não se atenta a isso, mas saiba que estes processos ajudam a poluir a natureza, rios e cachoeiras.


A natureza agradece sua contribuição (ou não contribuição rs) para se mantê-la sempre linda e preservada. Se vir alguém fazendo algo que prejudique a natureza não tenha vergonha, nem hesite em ensiná-lo, sempre de maneira educada, pois ninguém aprende com grosseria.

E você, sabe alguma outra coisa para não fazer em destinos de ecoturismo? Conta aí e vamos ajudar a conscientizar cada vez mais viajantes!

Curta Instinto Viajante no Facebook e fique por dentro de mais dicas e do dia a dia de uma viagem sem grana pela América do Sul.

Pelo Instagram do Instinto Viajante curta as fotos mais belas mundo afora.


« | »

Sobre